Warning: Declaration of YOOtheme\Theme\Wordpress\MenuWalker::walk($elements, $max_depth) should be compatible with Walker::walk($elements, $max_depth, ...$args) in /home/agencia8/public_html/proofing-parceria.com.br/wp-content/themes/yootheme/vendor/yootheme/theme/platforms/wordpress/src/Wordpress/MenuWalker.php on line 8
Vamos falar de e-commerce

Vamos falar de e-commerce

Vamos lá!
O e-commerce é uma loja (não física) e por isso ela precisa ser gerenciada e ter o seu estoque reservado. Ela é seu negócio online.

Desta forma não dever ser planejado com improviso e sem visão de pelo menos médio prazo. Precisa ter esta previsão de expansão.

Lembre-se: Quando um cliente faz uma compra é fundamental que o produto possa ser entregue. Salvo situações MUITO especiais.

Começando a entender

Existem muitas configurações e plataformas (soluções e ferramentas) de e-commerce. Cada uma atendendo a um estilo, um tipo de negócio e às várias regras da empresa/negócio.

Assim como um carro. Para comprar, você escolhe o modelo pela capacidade de pessoas, o gasto de combustível/km, a cor, o uso que fará dele e outras coisas básicas. Vale lembrar também que pode desejar acrescentar, agora ou depois, os opcionais permitidos pelo modelo escolhido.

A escolha inicial do e-commerce é o “modelo”. Será definido pelas suas características básicas e pelas opções que pode e quer acrescentar nele ao longo do tempo.

Os “modelos” de e-commerce são inúmeros: desde um dedicado, como por exemplo, WordPress (woocommerce) e Magento, aos que são fornecidos como serviço, por exemplo, WIX, LojaVirtual, VTEX, Shopify, Visuale-commerce, Tray e inúmeros outros. O que define a escolha? O que você quer!

Voltando ao exemplo do carro, imagine:
Eu preciso hoje de um carro básico e de pouco consumo, cambio manual, som e com bom porta malas pois, vou fazer viagens com os passageiros.
Ah! Quero também o adicional de tapetes. Mas penso que, no próximo ano, eu vou colocar bagageiro e um engate de reboque.

Então como escolher o “modelo“?
Levar em conta que, no futuro, não vai ser possível trocar o cambio para automático pois pode ser muito caro. Talvez colocar um kit gás “arrase” com o espaço da mala. Mas entender também que não vai ficar com este carro mais de 4 ou 5 anos. Em 3 anos deve rever o que tem de novo no mercado, mais econômico, mais ágil, bonito e quais novos opcionais existirão. Assim é o e-commerce e todas as coisas que consumimos.

Então … em frente!
O que pode ser minimamente necessário e o que mais podemos pensar para definir o “modelo” da solução para um e-commerce?

As nuances de cada negócio devem ser espelhadas na loja virtual.
Sabemos que a construção/desenvolvimento de um e-commerce parte de ferramentas e soluções já disponíveis no mercado mas, configurações e ferramentas nele incluídas definem totalmente a particularidade do seu negócio.

1 – Essenciais

As características essenciais são aquelas que você não pode deixar de ter para seu negócio começar a funcionar.
Como por exemplo:

  • que tipo de produto vende (físico ou virtual),
  • como vai entregar (correios, por conta própria, etc),
  • como vai receber (em dinheiro na entrega, por cartão, online, pagseguro, etc),
  • vai parcelar (quantas vezes, a partir de que valor, etc),
  • qual valor dispõe para esta primeira fase,
  • e outras definições.

2 – Adicionais imediatos ou futuros

Todo e-commerce possibilita acréscimo de ferramentas que visam facilitar a compra do cliente e configurar cada vez melhor seu negócio online.
Você pode:

  • integrar com marketplaces,
  • vender em outras moedas,
  • integrar com ferramentas de marketing,
  • acrescentar formas de pagamento e de envio,
  • e muitas outras funcionalidades.

Este adicionais devem ser levados em conta junto com as características essenciais. Eles devem ser possíveis acrescentar depois. Sem ter que mudar de “modelo” (plataforma, solução online, ferramenta).

Isso afina a escolha do “modelo” que será utilizado para esta construção do e-commerce.

3 – As Regras do negócio

Já falamos sobre algumas: pagamentos, envios, parcelamentos.
Mas também temos que pensar nas regras de troca, devolução, prazos de entrega e outras.
É importante definir estas coisas no inicio pois, estes detalhes podem exigir determinada configuração que também deve ser levada em conta na escolha do “modelo”.

Está precisando esclarecer, delinear sua solução ou implantar seu e-commerce? Conte conosco!

Etiquetas: , , ,

Proofing - parceria administrativa

A Proofing é a parceria ideal quando seu negócio precisa de reforço na gestão por tempo parcial e/ou num problema especifico.